Digite o nome da matéria que vc quer pesquisar dentro do Blog. Ex:- esmaltes...

Arquivo do SITE.

domingo, 15 de setembro de 2013

40 QUARTOS DE CASAL E SOLTEIRO ROMANTICOS E ACONCHEGANTES.



Quartos decorados em tons neutros e claros transmitem tranquilidade.

Decoração clarinha e leve em quartos de casal cria clima aconchegante.

Quartos de casal decorado em tons neutros e claros tendem a ser confortáveis e aconchegantes


Combinando harmonicamente as cores claras do papel de parede da Orlean, das cortinas e da mesinha lateral, o quarto de 20 m² ganhou a cabeceira em couro da Emporio Beraldim em um tom mais fechado, no projeto da arquiteta Izabella Lessa. Executada por Iole Mendonça, ela cobre a parede de ponta a ponta e faz fundo para a escrivaninha em madeira.Denílson Machado/ MCA Estúdio/ Divulgação.


No projeto da arquiteta Izabella Lessa, as portas brancas do armário distinguem-se pelo discreto friso. Os pontos de luz no forro, planejados por Maneco Quinderé, criam volumetria no ambiente que teve o piso, em travertino bruto, protegido pelo confortável tapete Avanti, também de cor clara.Denílson Machado/ MCA Estúdio/ Divulgação.


Os objetos coloridos destacam-se nos nichos da marcenaria branca, executada pela CA e idealizada pela arquiteta Izabella Lessa. O trabalho em matelassê da colcha quebra com a homogeneidade do tom do tecido.Denílson Machado/ MCA Estúdio/ Divulgação.


Com 16,5 m², este quarto projetado pela AHGA Arquitetura ficou mais amplo graças aos tons claros aplicados. A parede foi pintada de bege e o piso recebeu tacão de cumaru. Destaque para o rodapé laqueado com 50 cm de altura e para a cortina romana branca. Veja que a iluminação indireta atrás da marcenaria delimita visualmente os nichos. Já os spots equipados com minidicróica e o módulo quádruplo com dicróicas, ambos da Spazyo Arquitetura da Luz e acoplados ao forro de gesso, enfatizam certas peças e criam a iluminação geral.Henry Lopes/ Divulgação.


Na projeto do escritório AHGA Arquitetura o destaque fica por conta da parede atrás da cama. Nela, a cabeceira estofada se apoia sobre o papel de parede da Petit Décor decorado com arabescos em tons "off-white". Nas laterais, as faixas de espelho distribuem a luz e dão a sensação de amplitude ao ambiente. Os criados-mudos em tom mais quente, de madeira, dão mais aconchego ao quarto.Henry Lopes/ Divulgação.


O trabalho de marcenaria em branco, neste projeto do escritório AHGA Arquitetura, otimizou a área com apenas 16,5 m². A estrutura "engana" o olhar e cria a sensação de que o ambiente é maior. Veja que a parede pintada em um tom mais escuro, mas pastel (sob a janela), e o aparador amadeirado rompem com a monotonia do branco.Henry Lopes/ Divulgação.


O contraste entre o branco e o bege e a iluminação embutida no rasgo da cortina definem o desenho irregular do quarto com apenas 12 m². O projeto da Camila Klein para este dormitório previu uma cama em madeira escura a fim de se criar um contraste com o piso laminado claro. O nicho, também iluminado na parede sobre o leito, recebeu espelho e amplia sutilmente a sensação de espaço.Bruno Netto/ Divulgação.


A arquiteta Mayra Lopes recorreu à combinação branco, tons pastel e madeira para compor os 12 m² do dormitório de casal. Destaque para a cortina rolô, atrás da cama, delicadamente estampada e "emoldurada" por espelhos. O elemento, que lembra um recorte de parede revestido por papel, tem o intuito de esconder a janela mal posicionada. As capas de travesseiro mantêm a opção por desenhos miúdos e delicados, que dá o tom romântico ao quarto.Marcelo Scandaroli/ Divulgação.


Em contraponto aos tons claros, o arquiteto Walter Fagundes recorreu à cabeceira de madeira, da Index Brasil Design, que aquece este quarto de uma casa de praia. O mesmo material foi empregado na porta do armário, que ganhou detalhe circular para manter o interior arejado, criando uma composição geométrica no espaço. Para quebrar a simetria do ambiente, o projeto previu dois quadros, em um dos cantos, e luminárias diferentes em cada lado da cama.Martin Szmick/ Divulgação.


Para romper com o branco da cama e o creme na colcha, o projeto do arquiteto Walter Fagundes recorreu às estampas: a cadeira em linhas clássicas, por exemplo, foi modernizada com tecido estampado por desenho geométrico, composto com dois tipos de azul e o verde. Já os rolos, posicionados junto à cabeceira, receberam revestimento floral com fundo claro. À esquerda, a despretensiosa cortina foi executada pela Index Brasil Design em tecido de tonalidade amena.Martin Szmick/ Divulgação.


Neste quarto de 24,5 m², a arquiteta Mayra Lopes recorreu ao branco, ao bege e ao amadeirado para compor a cartela de cores. Na parede atrás da cama, o papel com arabescos compõe com a cabeceira e os criados na cor uísque. No piso, o tapete felpudo em bege mais escuro leva acolhimento e protege o piso em tacão de ipê.Marcelo Scandaroli/ Divulgação.


O jogo de texturas e volumes marcam o projeto da arquiteta Mayra Lopes para este quarto de casal. O forro trabalhado em gesso embute os pontos de luz indireta e acomoda a cortina farta e pregueada. Por sua vez, o aparador em madeira apoia equipamentos de áudio e vídeo e ainda acopla a banqueta. Os dois quadros ao lado do monitor de TV "pincelam" com tom quente a proposta decorativa.Marcelo Scandaroli/ Divulgação.


Amplo, o quarto com 35 m², idealizado pela designer Viviane Dinamarco, ficou bem mais aconchegante graças à madeira - deixada aparente nas vigas do forro, na cama da Etel Carmona e no piso - e aos tons crus e neutros, especificados nas cortinas, na manta e no couro do banco. O criado espelhado (à esq.) atua como um curinga, refletindo a coloração do ambiente e se adequando à decoração.Celina Germer/ Divulgação.


Para quebrar com a monotonia do branco e marcar o desenho do telhado, no ambiente decorado por Viviane Dinamarco, manteve-se parte da estrutura da cobertura em tom de madeira. As paredes receberam, acima dos painéis de madeira (borseries), tinta na cor areia e a lareira com frontão em mármore travertino foi combinada com o revestimento da cadeira e do "récamier" (Artefacto). As obras de arte em diferentes tamanhos e formatos dão movimento e vida ao espaço.Celina Germer/Divulgação.


O quarto de 16 m² com paredes e piso claros ficou maior graças ao painel de cabeceira em mármore travertino romano, destacado pela iluminação cênica feita com mangueira de luz e minidicróicas. As portas de correr piso-teto do armário Florense (à dir.) com filetes metálicos reforçam a sensação de amplitude. A decoração é assinada pelo arquiteto Daniel Kalil.Marcelo Magnani/ Divulgação.


A arquiteta Mayra Lopes recorreu a tons neutros para este quarto (15 m²), cuja cabeceira em laminado remete ao desenho da madeira. A escultura de parede, sobre o leito, se destaca na composição e é ladeada por dois pendentes que substituem os abajures. A roupa de cama estampada bege clara dá o toque romântico ao dormitório. Marcelo Scandaroli/ Divulgação.Getty Images.


Para proporcionar maior conforto ao usuário na área da cabeceira, a arquiteta Andréa Parreira aplicou o couro. No forro, que também faz papel de cortineiro, lâmpadas dicroicas foram embutidas contribuindo para a iluminação, junto com as luminárias acopladas à cabeceira, sobe os criados-mudos. Marcos William/ Divulgação.


Com apenas 6 m², este dormitório de hóspedes recebeu tratamento especial por parte da arquiteta Ana Andrade. Para se parecer com um quarto de hotel, recebeu papel de parede que destaca o branco da cama, do forro e dos quadros, e harmoniza a composição em tons neutros das almofadas. Arandelas de um lado da cama e abajur do outro garantem a assimetria do desenho.Renata Fontana/ Divulgação.


Para dividir as áreas de vestir e de relaxamento, a arquiteta Mayra Lopes instalou a divisória vazada e em tom delicado. O quarto com 15 m² possui cabeceira baixa em laminado e tem seus cridos-mudos livres por dispensar abajures, substituídos por pendentes.Marcelo Scandaroli/ Divulgação.


O dossel sobre a cama, feito com shantung de seda e adornado com pequenos cristais, confere um clima romântico ao dormitório de casal projetado pela arquiteta Adriana Lima. O tecido é preso em varões cromados fixados ao teto e compõe tanto com a colcha quanto com a cortina. Divulgação.


Esta cama com dossel, feita de madeira ebanizada, é uma versão moderna do móvel medieval. O quarto de casal foi projetado pela designer de interiores Paola Ribeiro. Divulgação.


Em vez da tradicional armação, os véus que envolvem esta cama partem do recorte feito no forro de gesso e do painel revestido com papel de parede que imita tecido. A iluminação embutida é feita com corda luminosa. O projeto é da arquiteta Caroline Froeder Seferin.Divulgação.


Inspirado no filme "O Artista", o quarto de casal, projetado pelo arquiteto Max Mello, tem atmosfera requintada. A cama com dossel foi fabricada em madeira laqueada branca e as cortinas de linho arrematadas com seda preta.Jomar Bragança/Divulgação.


No quarto desta casa de praia, a cama com dossel faz alusão a bangalôs. O móvel é feito em madeira certificada pintada de branco e as cortinas são de voal. O projeto é da arquiteta Luciana Tomas, em parceria com a Sherwin-Williams. Divulgação.


A cama com dossel em peroba rosa de demolição tem cortinas de voal branco. O projeto é de Jorge Garcia, proprietário da loja Trapiche Carioca. Divulgação.


No projeto da arquiteta Kity Achilles, a ideia era compor um quarto sóbrio. No ambiente, a cama de madeira laqueada em preto brilhante contrastou com as cortinas de linho branco. Divulgação.


Na casa de veraneio projetada pelo arquiteto David Bastos, a cama com dossel integra o quarto do casal. Feito de cumaru, o dossel é recoberto por tule, tecido leve cuja trama tem minúsculas abertura que deixam passar o ar, mantendo o leito. Divulgação.


A cama com dossel de freijó confere aconchego ao dormitório da casa de praia de uma jovem empresária. As cortinas em tule dão leveza, além de serem de fácil manutenção. O projeto é do arquiteto David Bastos. Divulgação.


Neste quarto de adolescente, a cama com dossel é recoberta por tecido jacquard com estampa estilo ikat na cor carbono, que harmoniza com o restante da decoração. O projeto é das arquitetas Maria Claudia e Maria Paula Brasil, da Maria Brasil Arquitetura.Divulgação.


No projeto das designers de interiores Eliane Birchal e Maíra Franco, em parceria com a loja Villa Maria, o dossel em voal confere delicadeza e graça ao quarto de uma menina. Divulgação.


Projetado pelo arquiteto Bruno Batistela, da Kwartet Arquitetura, o dormitório de menina ganha ares de quarto de princesa. A cama é feita em madeira laqueada e o voal que recobre o móvel é de algodão. Divulgação.


No dormitório infantil projetado pela arquiteta Adriana Lima, a releitura dos antigos dosséis mescla os estilos provençal e moderno, e resulta numa atmosfera que lembra os contos de fadas. O dossel é feito em gesso com arabescos em acrílico recortado a laser. Divulgação.


Cama com dossel, feita em MDF pintada acabamento laqueado em branco; R$ 1.399; cortina em voal, R$ 450. As peças são vendidas separadamente na Croft House (www.crofthouse.com.br). Preços pesquisados em julho de 2013 e sujeitos a alterações. Divulgação.


Cama Venet para casal em madeira maciça com acabamento em pintura; R$ 1.450; dossel Venet para cama de casal em madeira maciça com acabamento em pintura, R$ 425. As peças são vendidas separadamente na Tok&Stok de São Paulo (www.tokstok.com.br). Preços pesquisados em julho de 2013 e sujeitos a alterações. Divulgação.


Cama Dossel com casinha em MDF com acabamento laqueado branca; R$ 1.599; cortina em voal, R$ 479. As peças são vendidas separadamente na Croft House (www.crofthouse.com.br). Preços pesquisados em julho de 2013 e sujeitos a alterações. Divulgação.


Cama Princesas Disney - Belle, em MDF pintada na cor branca; R$ 1.099, na Mobly (SAC: 0800 940 0326). Preço pesquisado em julho de 2013 e sujeito a alterações. Divulgação.


Cama Saint Martin com dossel, pintada em laca branca; R$ 7.740, na Q&E Quartos (www.qequartos.com.br). Preço pesquisado em julho de 2013 e sujeito a alterações. Divulgação.
mulher.uol./Silvana Maria RossoDo UOL, em São Paulo.







0 comentários:

 
AVISO DE CONDUTA.

¨ALGUMAS IMAGENS EU PEGUEI DA INTERNET SEM AUTORIA. SE ALGUMAS DELAS FOR PROTEGIDA POR DIREITOS AUTORAIS, A VIOLAÇÃO NÃO FOI INTENCIONAL, NESTE CASO, SE NÃO ME FOR AUTORIZADA A EXPOSIÇÃO DA MESMA, A IMAGEM SERÁ RETIRADA DO MEU BLOG, BASTA QUE ENTREM EM CONTATO POR EMAIL¨


VISITANTES INTERNACIONAIS.
Instalado:- 24/04/2010.

Linkwithin

Related Posts with Thumbnails